terça-feira, 14 de novembro de 2017

Proventos e investimentos - Novembro 2017

Parcial de novembro: 


Carteira -1,72% x -4,69% Ibovespa 

Proventos:

Tesouro Direto (cupons)

Yield de 0% no mês (7,91%* no ano)

FII (dividendos)

Yield de 0% no mês (2,52% no ano)

Ações (dividendos e JCP)

- ITUB3 R$0,015/ação 
- GRND3 R$0,24/ação
- TAEE3 R$0,25/ação*

Yield de 0,26% no mês (2,90% no ano)

*valores líquidos, já descontado o IR correspondente.

Exerci o direito de retirada em Eletropaulo (R$16,10/ação). Com o dinheiro mais uma parte do aporte, comprei  M. Dias Branco (MDIA3).

Bom, era isso. Bom final de novembro a todos!

terça-feira, 31 de outubro de 2017

Fechamento - Outubro 2017

Atualização da carteira em 31/10/2017:

Com base na planilha de cotas do AdP, a carteira...

 

... teve uma valorização de 2,27% no mês (Ibovespa 0,02%)
... valorizou 24,52% no ano (Ibovespa 23,38%)
... tem uma rentabilidade histórica de 30,44
%
... teve um crescimento do capital de 4,41% no mês
... tem um crescimento do capital histórico de 155,55% (jan/2013).

Com relação aos proventos (calculados pelo preço médio de compra dos ativos):

Yield das ações no mês: 0,005% (no ano, 2,60%)
Yield dos FII no mês: 0% (no ano, 2,52%)
Yield do TD no mês: 0% (no ano, 7,91%)
Yield em outubro: 0,004% (no ano, 3,45%)


 
Já a divisão da carteira ficou assim:




Ações:
ABEV3      11,20% 
CIEL3        12,38% 
ELPL4        8,66%
GRND3     11,37%
ITUB3       11,96%
PTBL3        8,82%
TAEE11      9,92%
VALE5      14,65% 
WEGE3    11,04%

TD:
NTN-F 010121 51,56% 
NTN-F 010123 17,03
NTN-F 010125 16,93%
NTN-F 010127 14,48%



Mais um mês de bons ventos na contagem regressiva para 2018. No meu caso, a contagem está se dando em dias úteis e eles terminam ainda em novembro.rs


Vamos aos números!

Proventos:

- ITUB3:  R$0,015/ação

Compras de setembro: Ambev, Cielo e Weg.

Aceitei o direito de retirada oferecido pela Eletropaulo (R$16,10 por ação). Como não recebi informação de que o direito de retirada será respeitado, o fechamento foi feito com a cotação do dia de hoje (R$14,74).

ATUALIZAÇÃO: Eletropaulo aprovou o direito de retirada. Valores da rentabilidade mensal foram corrigidos.
http://www2.bmfbovespa.com.br/empresas/consbov/frmNBC.asp?protocolo=584358

Proventos previstos para novembro: ITUB3 (R$0,015/ação)

Nos últimos dias de outubro começou a divulgação dos balanços do terceiro trimestre de 2017. As divulgações seguirão até a primeira quinzena de novembro.

Segue a relação dos ativos da minha carteira de ações com seus respectivos resultados do 3t17:

Ambev:         R$ 136M     (R$ 4,551B)
Cielo:            R$ 1,070B  (R$ 3,156B)
Eletropaulo:  01/11/2017  (R$44M)
Grendene:    R$ 146M     (R$410M)
Itaú:              R$ 5,918B   (R$ 18,588B)
Portobello:    10/11/2017  (R$ 42M)
Taesa:           08/11/2017  (R$ 273M)
Vale:             R$ 7,170B   (R$ 15,282B)
Weg:             R$ 312M     (R$ 844M)


Bom, era isso. Um ótimo mês de novembro a todos!

domingo, 15 de outubro de 2017

Proventos e investimentos - Outubro 2017

Parcial de outubro: 


Carteira 3,58% x 3,63% Ibovespa 

Proventos:

Tesouro Direto (cupons)

Yield de 0% no mês (7,91%* no ano)

FII (dividendos)

Yield de 0% no mês (2,52% no ano)

Ações (dividendos e JCP)

- ITUB3 R$0,015/ação 

Yield de 0,005% no mês (2,62% no ano)

*valores líquidos, já descontado o IR correspondente.

Aporte: a definir. Provavelmente Portobello.

Bom, era isso. Bom final de outubro a todos!

sexta-feira, 29 de setembro de 2017

Fechamento - Setembro 2017

Atualização da carteira em 29/09/2017:

Com base na planilha de cotas do AdP, a carteira...

 

... teve uma valorização de 0,07% no mês (Ibovespa 4,88%)
... valorizou 22,32% no ano (Ibovespa 23,36%)
... tem uma rentabilidade histórica de 28,29
%
... teve um crescimento do capital de -0,59% no mês
... tem um crescimento do capital histórico de 144,75% (jan/2013).

Com relação aos proventos (calculados pelo preço médio de compra dos ativos):

Yield das ações no mês: 0,27% (no ano, 2,60%)
Yield dos FII no mês: 0% (no ano, 2,52%)
Yield do TD no mês: 0% (no ano, 7,91%)
Yield em setembro: 0,24% (no ano, 3,45%)


 
Já a divisão da carteira ficou assim:






Ações:
ABEV3      11,00% 
CIEL3        11,89% 
ELPL4        7,77%
GRND3     11,57%
ITUB3       12,46%
PTBL3        8,09%
TAEE11    11,23%
VALE5      15,17% 
WEGE3    10,82%

TD:
NTN-F 010121 51,52% 
NTN-F 010123 17,06
NTN-F 010125 16,97%
NTN-F 010127 14,45%





Mês muito bom na vida pessoal e profissional. Os investimentos andaram de lado. Faz parte.

Como não trato da minha vida pessoal aqui, passemos aos números.

Proventos:

- ITUB3:     R$0,35/ação*
- CIEL3:     R$0,47/ação*
- VALE3:    valor decorrente da venda das frações

Compras de setembro: Portobello e Ambev

Proventos previstos para outubro: ITUB3 (R$0,015/ação)

*valores líquidos, já descontado o IR correspondente.

Bom, era isso. Um ótimo mês de outubro a todos!

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Proventos e Investimentos - Setembro 2017

Parcial de setembro: 


Carteira 4,01% x 6,95% Ibovespa 

Proventos:

Tesouro Direto (cupons)

Yield de 0% no mês (7,91%* no ano)

FII (dividendos)

Yield de 0% no mês (2,52% no ano)

Ações (dividendos e JCP)

- ITUB3 R$0,015/ação
- CIEL3 R$0,47/ação*
- VALE3 - venda das frações decorrentes da conversão 

Yield de 0,27% no mês (2,62% no ano)

*valores líquidos, já descontado o IR correspondente.

Aporte: a definir. Provavelmente Portobello.

Bom, era isso. Bom final de setembro a todos!

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

Fechamento - Agosto 2017

Atualização da carteira em 31/08/2017:

Com base na planilha de cotas do AdP, a carteira...

 

... teve uma valorização de 3,63% no mês (Ibovespa 7,46%)
... valorizou 22,06% no ano (Ibovespa 17,61%)
... tem uma rentabilidade histórica de 27,96
%
... teve um crescimento do capital de 4,83% no mês
... tem um crescimento do capital histórico de 146,20% (jan/2013).

Com relação aos proventos (calculados pelo preço médio de compra dos ativos):

Yield das ações no mês: 0,47% (no ano, 2,35%)
Yield dos FII no mês: 0% (no ano, 2,52%)
Yield do TD no mês: 0% (no ano, 7,91%)
Yield em agosto: 0,41% (no ano, 3,25%)


 
Já a divisão da carteira ficou assim:



Ações:
ABEV3       9,78% 
CIEL3       12,18% 
ELPL4        9,80%
GRND3    11,83%
ITUB3       11,62%
PTBL3       6,26%
TAEE11    11,40%
VALE5      16,76% 
WEGE3    10,37%

TD:
NTN-F 010121 51,63% 
NTN-F 010123 17,05
NTN-F 010125 16,92%
NTN-F 010127 14,40%






Pink Floyd - Money

O tempo não passa, amigos; ele voa.

Em agosto completei dez anos adquirindo ações no Mega Bolsa (hoje, Puma). Dez!



Eu costumo dizer por aqui que o resultado mensal nada mais é que uma foto dentro de um filme muito maior. No meu caso, o filme da renda variável completou uma década de idas e vindas, de trades e buy and hold, de blue chips e ações que sequer existem mais - como TMCP4, RDCD3, e, mais recentemente, CRUZ3.

Nessas horas que eu até fico tentado a compartilhar alguns números com vocês, mas a vontade logo passa.rs 

Analisando friamente os números alcançados até aqui, posso dizer que a evolução do aprendizado foi muito positiva, principalmente depois que passei a acompanhar/fazer parte da blogosfera.

Não é brincadeira: ter um blog ajudou muito o meu amadurecimento como investidor. Me forçou a ser alguém melhor quando o assunto é dinheiro, e isso pode ser visto abaixo.

Os resultados ainda estão longe de alguns Titãs da nossa Blogosfera, bem sei, mas começam a mostrar sua força.


Chega de conversa, passemos aos números.

Proventos:

- ITUB3:     R$0,35/ação*
- GRND3:   R$0,18/ação
- PTBL3;    R$0,06/ação*
- TAEE11:  R$0,17/ação*
- WEGE3:  R$0,16/ação*


Compras de agosto: Cielo, Taesa e Vale.
Venda de agosto: Cemig.

Proventos previstos para setembro: ITUB3 (R$0,015/ação) e CIEL3 (R$0,47/ação*)

*valores líquidos, já descontado o IR correspondente.

Vendi Cemig por 2 motivos: 1- a empresa deixou de equiparar proventos para ambos os ativos; 2- essa história da renovação das usinas estava me deixando de cabelo em pé. 

Assim, a empresa segue o caminho dela e eu sigo o meu. Desejo sangue frio para quem permanecer comprado nela. E vida que segue.

Quando tomamos a decisão de aprender a investir nosso dinheiro, nos deparamos com a máxima de que o mercado sempre tenta antecipar os desdobramentos futuros das empresas. O famoso subir no boato e descer no fato.

Nos momentos de divulgação de balanços o encontro da expectativa com a realidade fica bastante evidente para o mercado, o que reflete diretamente na cotação dos ativos que fazem parte da minha carteira.

Segue relação dos ativos e seus resultados trimestrais, com o respectivo lucro anual:


Ambev:         R$ 4,415B
Cielo:            R$2,086B
Eletropaulo:  R$44M
Grendene:    R$ 264M
Itaú:             R$ 12,67B
Portobello:   R$42M
Taesa:         R$273M
Vale:            R$ 8,112B
Weg:           R$ 529,8M

Bom, era isso. Um ótimo mês de setembro a todos!

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Proventos e Investimentos - Agosto 2017

Parcial de agosto: 


Carteira 2,13% x 4,24% Ibovespa 

Proventos:

Tesouro Direto (cupons)

Yield de 0% no mês (7,91%* no ano)

FII (dividendos)

Yield de 0% no mês (2,52% no ano)

Ações (dividendos e JCP)

- ITUB3 R$0,35/ação*
- WEGE3 R$0,16/ação*
- GRND3 R$0,18/ação*
- TAEE11 R$0,17/ação*

Yield de 0,34% no mês (2,07% no ano)

*valores líquidos, já descontado o IR correspondente.

Aporte: Cielo e Vale. A primeira, compra do mês; a segunda, apenas arredondamento, fruto da conversão para ON.

Bom, era isso. Bom final de agosto a todos!

terça-feira, 1 de agosto de 2017

Fechamento - Julho 2017

Atualização da carteira em 31/07/2017:

Com base na planilha de cotas do AdP, a carteira...

 

... teve uma valorização de 5,77% no mês (Ibovespa 4,80%)
... valorizou 18,03% no ano (Ibovespa 9,45%)
... tem uma rentabilidade histórica de 23,82
%
... teve um crescimento do capital de 6,85% no mês
... tem um crescimento do capital histórico de 134,86% (jan/2013).

Com relação aos proventos (calculados pelo preço médio de compra dos ativos):

Yield das ações no mês: 0,08% (no ano, 1,75%)
Yield dos FII no mês: 0% (no ano, 2,52%)
Yield do TD no mês: 4,05% (no ano, 7,91%)
Yield em julho: 0,56% (no ano, 2,66%)


 
Já a divisão da carteira ficou assim:





Ações:
ABEV3       9,88% 
CIEL3        9,90% 
CMIG3       7,28% 
ELPL4        9,22%
GRND3    12,04%
ITUB3       11,29%
PTBL3       6,03%
TAEE11     8,81%
VALE5      15,49% 
WEGE3   10,06%

TD:
NTN-F 010121 51,64% 
NTN-F 010123 17,03
NTN-F 010125 16,91%
NTN-F 010127 14,42%

Mais um mês de muita correria na vida pessoal e profissional. Logo os resultados chegarão, tenho certeza.

Vamos aos números!

Proventos:

- ITUB3:     R$0,015/ação
- ABEV3:   R$0,16/ção
- Cupons NTN-F: R$48,80/cupom

*valores líquidos, já descontado o IR correspondente.


Compras de julho: NTNF010127 e Taesa.

Proventos previstos para agosto: ITUB3 (R$0,35/ação*), GRND3 (R$0,18/ação) e WEGE3 (R$0,16/ação*)


Na última semana de julho começou a divulgação dos balanços do segundo trimestre de 2017. As divulgações seguirão até a segunda semana de agosto.


Segue relação dos ativos da minha carteira de ações com seus respectivos resultados do 2t17:

Ambev:         R$ 4,415B
Cielo:            R$2,086B
Cemig:         14/08/2017
Eletropaulo: 07/08/2017
Grendene:    R$ 264M
Itaú:             R$ 12,67B
Portobello:   04/08/2017
Taesa:         08/08/2017
Vale:            R$ 8,112B
Weg:           R$ 529,8M

Bom, era isso. Um ótimo mês de agosto a todos!